4 dicas para fazer a validação da ideia do negócio

Ilhasoft

Geralmente, muitas ideias são criadas em uma mente empreendedora a todo tempo. Porém, apesar do momento de euforia que esses momentos geram, nunca se sabe se a ideia terá futuro ou não.

Há casos em que o empreendedor levou uma ideia ruim adiante e também há situações em que acontece o processo inverso, ou seja, ele desiste de uma boa ideia e acaba guardando-a na gaveta.

Pois saiba que há maneiras de comprovar se a ideia é boa ou não e evitar qualquer desperdício de tempo e até dinheiro.

Por isso, vamos apresentar neste post o conceito e dicas para validar a ideia do negócio. Continue lendo!

O que é a validação da ideia do negócio

Validar uma ideia de negócio é nada mais do que testar e entender se ela pode tornar-se um bom empreendimento no futuro.

Esse processo de validação deverá envolver o mínimo possível de tempo e dinheiro, além de ser simples e rápido.

A importância de fazer a validação da ideia do negócio

Esse será o primeiro passo para identificar uma oportunidade que pode ser promissora.

Como não há fatos e indícios que ela seja, é indicado começar com pequenos testes a fim de conhecê-la e até fazer correções para que a ideia fique ainda melhor.

Dessa maneira, o risco de empreender um negócio fica cada vez menor, evitando que o empreendedor gaste energia desnecessária caso a ideia não tenha futuro.

Dicas para validar uma ideia de negócio

Agora que você já está entendendo mais sobre a importância do processo de validação da ideia do negócio, vamos fornecer algumas dicas para que isso seja feito da melhor maneira possível. Confira:

1 – Construa um MPV

O MPV é a abreviação para Mínimo Produto Viável e ele é o que o próprio nome diz: uma versão do produto que está sendo idealizado para testar e verificar se a ideia é viável.

Portanto, crie um protótipo que represente o produto ou o serviço que será oferecido a fim de testá-lo em situações reais com potenciais clientes.

Nesse momento, já será possível saber se a ideia tem potencial ou não.

2 – Comece a captar os primeiros clientes

Começar a buscar os primeiros clientes deverá ser uma de suas prioridades, pois serão eles que vão ajudá-lo a validar boa parte da ideia, oferecer feedbacks e, o principal, que é comprar a sua solução.

Lembre-se também de que, se a ideia não for reconhecida como uma ótima solução e se o público-alvo não entender o motivo para que ela tenha sido criada, será difícil transformá-la em um negócio promissor.

Portanto, ter uma estratégia de marketing e vendas é essencial para o sucesso do negócio.

3 – Resolva um problema real

Novas ideias estão surgindo a todo tempo. O ponto negativo desse fato é que aparecem muitas ideias que são parecidas e com propostas similares a muitas que já existem.

Junto a isso, a população já está cansada das mesmas soluções que não resolvem problemas que já são antigos. Por isso, tenha uma proposta de atacar definitivamente uma dor em específico e que seja real.

Com essa proposta, procure se diferenciar dos negócios que já existem no mercado, oferecendo algo que realmente resolva a vida dos seus clientes.

4 – Estude o mercado

É preciso saber onde você estará pisando, ou seja, é importante conhecer o mercado que o negócio irá atuar.

Por isso, faça um estudo de mercado para saber, principalmente, o seu tamanho, e conhecer seus possíveis concorrentes.

Essa análise poderá ajudá-lo a decidir se vale a pena entrar nesse setor e a entender quais inovações que o negócio deverá focar para se diferenciar da concorrência.

Gostou das dicas para validar a ideia do negócio? Então, siga nossas redes sociais — Facebook e Linkedin — e não perca as novidades!

mautic is open source marketing automation