Como criar um aplicativo: confira o passo a passo aqui!

Ilhasoft

Não existem mais dúvidas de que boa parte do acesso à internet hoje em dia seja por meio de smartphones. Com isso, podemos dizer que a criação de um aplicativo mobile mudou a forma como o empreendedor passou a ver as possibilidades de negócio. Desenvolver um aplicativo que atenda às necessidades e que mude a forma como um negócio atua no mercado pode transformar todo o panorama de uma empresa.

Pensando nisso, neste post daremos algumas dicas de como desenvolver um app para seu empreendimento!

1 – Organize suas ideias

Nunca subestime a fase pré-operacional! Sente-se, pegue uma caneta e um papel, desenhe e escreva tudo o que você deseja em seu aplicativo; organize suas ideias antes de começar a colocar a mão na massa!

Esta fase, provavelmente, é uma das mais importantes. Um projeto bem escrito tem um enorme diferencial. É neste ponto que podemos definir o público-alvo, campanhas de marketing, formas de monetizar, o valor do investimento e o que é preciso para colocar sua ideia em produção.

2 – Defina o design e a usabilidade

A forma como utilizamos a internet em aparelhos móveis é extremamente diferente da forma como utilizamos em nossos desktops (apesar de hoje em dia parecer tão natural). Durante o processo de criação de um aplicativo mobile, o design é de vital importância, e não estamos falando apenas de identidade visual.

Se possível, faça um estudo junto a um profissional de UX (User Experience ou Experiência do Usuário), entenda como o público irá interagir com seu aplicativo e desenvolva Wireframes. A forma como a experiência do usuário é levada em consideração pode garantir o sucesso de um aplicativo.

3 – Avalie a infraestrutura

Boa parte dos desafios de se desenvolver uma aplicação, seja ela mobile ou desktop, está diretamente ligada ao setor de TI. As limitações de orçamentos e os altos custos envolvendo ambientes físicos podem dificultar muito a produção de seu aplicativo.

Para isso, efetue um estudo procurando por práticas que sejam mais interessantes de acordo com seu negócio. Ambientes como cloud services podem ajudar a diminuir os custos de investimento em estrutura e ainda podem garantir a qualidade necessária para a entrega que a aplicação necessita.

4 – Escolha a tecnologia

A tecnologia que será utilizada para o desenvolvimento do app deve ser avaliada com bastante cuidado. Hoje em dia existem 3 sistemas operacionais que dominam o mercado e, para cada um deles, uma linguagem de programação diferente para o desenvolvimento de aplicativos: Android utiliza Java, IOS utiliza Objective-C e Windows utiliza C#, por exemplo

Segundo um estudo da Net Applications, o Android é o sistema operacional mobile mais utilizado no mundo, abocanhando cerca de 44% do mercado. Porém, lançar um app apenas para uma plataforma pode ser uma escolha ruim.

Uma boa alternativa para quem está pensando em começar agora são os Web Apps ou aplicativos híbridos. São aplicações desenvolvidas em linguagem HTML, CSS e JavaScript que conseguem ter um enorme poder de interação com o público e têm o formato multiplataforma

5 – Entenda como fazer a publicação

Por último, entenda que cada sistema operacional possui sua própria web store. Cada uma tem sua regra e, geralmente, é cobrado um valor anual para manter seu app on line. Dependendo de como monetizar e da quantidade de download, os custos para manter seu app podem ser consideravelmente baixos.

Gostou do nosso post? Quer saber mais sobre criação de um aplicativo mobile? Siga nossas redes sociais (Facebook e Linkedin)!

mautic is open source marketing automation